Os 10 anos da Lei Maria da Penha devem ser comemorados reforçando as ações em defesa da mulher e proteção contra a violência. Respeito e dignidade para todas.

Cumprimos a promessa e aprovamos o PLC 38 que iguala a remuneração de bombeiros e militares do ex-território de RR com o Governo do DF. Uma grande conquista

Tv Rádio Jornais
Pronunciamentos Matérias Relatadas Projetos Currículo
Notícia
Aumentar tamanho fonte Diminuir tamanho da fonte
23/08/2012

Mais de 3 milhões de crianças já comparecem aos postos de vacinação

Foto: Divulgação
Mais de 3 milhões de crianças já comparecem aos postos de vacinação
Nos primeiros quatro dias da campanha de atualização da caderneta de vacinação, 845.455 crianças, menores de cinco anos, foram imunizadas contra doenças como poliomielite, sarampo, rubéola, caxumba, coqueluche, meningite, entre outras. O número representa 28% do contingente de três milhões de crianças que compareceram a um dos 34 mil postos de vacinação do País. Nem todas tomaram vacinas porque já estavam com a caderneta em dia.

É a primeira vez no Brasil que se realiza uma campanha com a oferta de todas as vacinas para atualizar o cartão da criança. A ação tem o objetivo de reduzir as taxas de abandono do esquema vacinal e, consequentemente, diminuir o risco de transmissão de doenças que podem ser prevenidas. Estão disponíveis todas as vacinas do calendário básico da criança: BCG, hepatite B, pentavalente, vacina inativada poliomielite (VIP), vacina oral poliomielite (VOP), rotavírus, pneumocócica 10 valente, meningocócica C conjugada, febre amarela, tríplice viral (sarampo, rubéola e caxumba) e DTP (difteria, tétano e coqueluche).

Até o final da tarde da última terça-feira (21), foram aplicadas 1.339.946 doses de vacinas nas crianças menores de cinco anos de idade. A vacina tríplice bacteriana (DTP) foi a mais utilizada, com 298.120 doses. O Ministério da Saúde repassou R$ 18,6 milhões do Fundo Nacional de Saúde aos fundos estaduais e municipais para realização da campanha.

Mais informações em

www.saude.gov.br
Enviar comentário:



acompanhe o senador