Os 10 anos da Lei Maria da Penha devem ser comemorados reforçando as ações em defesa da mulher e proteção contra a violência. Respeito e dignidade para todas.

Cumprimos a promessa e aprovamos o PLC 38 que iguala a remuneração de bombeiros e militares do ex-território de RR com o Governo do DF. Uma grande conquista

Tv Rádio Jornais
Pronunciamentos Matérias Relatadas Projetos Currículo
Notícia
Aumentar tamanho fonte Diminuir tamanho da fonte
22/06/2012

Sete estados recebem recursos para UPA e Samu

Sete estados recebem recursos para UPA e Samu

Novos recursos da rede Saúde Toda Hora estão sendo liberados pelo Ministério da Saúde para custeio e qualificação das Unidades de Pronto Atendimento (UPA) e para o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu).Ao todo, o Ministério da Saúde repassou R$ 28,2 milhões a sete estados: Rio de Janeiro, São Paulo, Minas Gerais, Maranhão, Paraíba, Pernambuco e Pará. A rede integra todos os equipamentos de saúde para que a população tenha acesso humanizado e integral aos serviços de urgência e emergência. 

Os municípios pernambucanos de Olinda e Paulista receberão, cada um, recursos adicionais de R$ 3 milhões de custeio anual para a qualificação de uma UPA porte III em cada cidade. Já para o município de Jaboatão dos Guararapes, o recurso adicional de custeio será de R$ 6 milhões anuais, destinado a cada uma das duas UPAs da cidade.  

É exigido como critério para o repasse de recursos adicionais destinado à qualificação de UPAs, a comprovação da cobertura do Samu 192 e o desenvolvimento de atividades de educação permanente. Com a UPA qualificada, o custeio anual, para a unidade de porte III, passa para R$ 6 milhões. À UPA porte II, os recursos são de R$ 3,6 milhões e à UPA porte I são R$ 2,4 milhões.

Outras informações em www.saude.gov.br

Disque saúde 136

Enviar comentário:



acompanhe o senador